Lomadee

sábado, 16 de abril de 2016

Varjota | Baixo volume de água de reservatório Araras preocupa pescadores

Apesar a preocupação dos pescadores, Dnocs faz uma precisão otimista. (Foto: Reprodução)
Na Região Norte do Ceará, pescadores e comerciantes estão preocupados com o volume de água de um importante reservatório, o açude Araras, em Varjota.
Para o presidente da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos do Ceará (Cogerh), João Lúcio, a chuva que caiu ainda não foi suficiente para mudar o cenário. “Tivemos uma porta d’água de 624 milhões no mês de janeiro a abril nos reservatórios hídricos, mas precisamos melhorar ainda mais para atender nosso usuários neste momento”, comenta em entrevista à Rádio Tribuna Band News.
O pescador Francisco de Assis, que vive da pesca local, pede ajuda divina para que caia um pouco mais de água no açude e conta que seu colega mudou de profissão, por conta da estiagem. Ele agora é vigilante.
Já o administrador do açude Araras e Servidor do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs), Carlos Melquíades Farrapo, faz uma projeção otimista. Segundo ele, a água retida é o suficiente para que a população sobreviva até o próximo inverno. “Hoje nós estamos com um volume de 57 milhões metros cúbicos, que dá 6,4%. Pelo Dnocs estamos com esse volume. Pode vir muita chuva ainda, estamos em pleno mês de abril, mas acredito que com essa água já dê para ir até o próximo inverno tranquilamente”.
De acordo com a Cogerh, as chuvas ainda não foram suficiente para mudar a situação dos reservatórios cearense. O volume atual do estado é de 13,34% da capacidade.
Postar um comentário