Lomadee

sábado, 28 de maio de 2016

R$ 2,6 milhões | Secult divulga resultado do Edital Ceará Junino 2016

A Secretaria da Cultura do Estado do Ceará divulga o resultado do Edital Ceará Junino 2016. Através do edital, foram selecionados projetos e ações, de todo o Ceará, que têm por objetivo identificar, difundir e estimular as tradições regionais cearenses voltadas para os festejos juninos do Estado. Com o edital, o Governo do Estado, por meio da Secretaria da Cultura, investe R$ 2,6 milhões no fomento a grupos juninos, festivais regionais e para a realização do Campeonato Estadual dos festejos do Ceará Junino. O resultado já está disponível no site da Secult: www.secult.ce.gov.br.

Cumprindo as diretrizes de descentralização e democratização do acesso aos bens e ações culturais, de afirmação da cultura cearense e de valorização das tradições populares, a Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult) apoia, através do Edital Ceará Junino 2016, 100 quadrilhas tradicionais, 20 festivais juninos e a culminância das festividades, o Campeonato Estadual Festejo Ceará Junino, que acontecerá em Fortaleza, no Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, reunindo a quadrilha vencedora de cada festival.

O edital 2016 contou com 317 projetos inscritos, sendo 58 projetos de quadrilhas infantis, 180 de quadrilhas adultas, 77 de festivais e dois para o Campeonato Estadual Festejo Ceará Junino. Cada uma das 100 quadrilhas receberá do Governo do Estado até R$ 18.100,00 em apoio. Cada um dos 20 festivais de quadrilhas juninas será contemplado com investimento de R$ 22.300,00 em cada um. Já o Campeonato Estadual Festejo Ceará Junino 2016 contará com R$ 367 mil em investimento do Governo do Estado, para realização de uma grande mostra competitiva entre as 20 quadrilhas juninas vencedoras dos Concursos Regionais.

Novidades no edital
O Edital Ceará Junino 2016 foi lançado após debate entre os representantes do movimento junino e a equipe da Secult, com participação do secretário da Cultura, Fabiano dos Santos Piúba, e da secretária adjunta, Suzete Nunes. Como novidades no edital, surgidas a partir desse debate, os critérios de avaliação dos projetos foram revisados e a participação dos proponentes se tornou mais simples e prática.

Também houve avanços quanto a um maior detalhamento do regulamento dos festivais regionais e do Campeonato Estadual Festejo Ceará Junino, com a inclusão, no edital, de sugestões apresentadas pelos representantes do setor. 
Postar um comentário